Pular para o conteúdo principal

Aika - A Canção dos Cinco


Título: Aika, a Canção dos Cinco

Série: Aika #1
Páginas: 471
Autor: Lúcia Lemos
Ano: 2016
Editora: Independente
Sinopse: Aika é uma jovem estudante de 16 anos que mora no Japão, mas nasceu e viveu muito tempo no Brasil. Discriminada e excluída por ser mestiça, fez de sua paixão por animes e mangás uma fuga da realidade. Até o dia em que descobre que seu herói preferido de mangá existe de verdade… e corre grande perigo! Aika então decide entrar no misterioso Mon-en, um portal mágico que pode levá-la ao mundo de seu herói, lar de dragões, seres malignos e raças em conflito. O que antes era um inocente entretenimento se transformará em uma aventura perigosa, onde ela terá que enfrentar inúmeros inimigos e ainda explicar ao seu herói sobre o que é o anime e mangá que ele protagoniza, assim como seus filmes, músicas, bonecos, cosplayers... Aika - Canção dos Cinco é o primeiro livro de uma saga repleta de ação e magia. Uma fantasia que transita entre um mundo medieval e o Japão atual, sem deixar de falar sobre amizade, amor e perseverança.

Olá mochileiros! 

Hoje, vamos conversar sobre Aika, um livro de parceria com a autora Lúcia Lemos. Aika é um livro de fantasia, que nos apresenta a dois universos: a Terra e Gattai. A Terra vocês já conhecem, mas e Gattai? É um outro planeta, que contém duas luas, e é cheia de seres mágicos, diferente da Terra. No contexto da trama, Gattai está em guerra: todos estão lutando pelos Orbes mágicos. 


É aí que entra Aika, uma menina que levava uma vida simples, morando sozinha no Japão, fazendo seus cosplays, estudando e trabalhando para se manter; isso com apenas 16 anos. Aika é simplesmente apaixonada por animes, mangás e tudo mais da cultura japonesa, tanto que, é a partir disso que Aika se envolve com Gattai. 


A menina acompanha uma série de mangás desde o começo, é uma grande fã, e faz até cosplay de seu grande herói: Kurikara, um jovem Guardião de Gattai que sofre com uma maldição. Porém, a série é interrompida quando a autora sofre um acidente e vai em estado grave para o hospital. Preocupada, Aika tem sonhos que julga serem apenas sonhos. Mas é ai que ela se engana... 

Ela descobre que seu herói é real, que outros planetas existem, e que, os seres que ela sempre quis conhecer, também existem: dragões. 

O livro tem uma linguagem bem simples, que deixa tudo mais fácil de ser entendido. O enredo também é interessante, nos traz muitas surpresas. O livro só está disponível em formato digital - por enquanto - e pode ser encontrado na Amazon. Gostei bastante da leitura de Aika, por ser um livro do gênero fantasia, mas também apresentar traços de outros gêneros literários, como o romance. 


O ponto negativo é que, existem certos elementos que deviam ter sido mais bem explorados, enquanto outros deveriam ter recebido uma atenção um pouco menor. Porém, isso só é visto no começo do livro, já que no decorrer, a autora mantém tudo um pouco mais equilibrado. 


Recomendo o livro para quem gosta de explorar novos universos, novos povos, novos tipos de magia. Você pode encontrar o livro na Amazon, clicando aqui, e no perfil da autora no Instagram


Gostou da resenha? Siga o blog e fique por dentro de tudo o que é postado aqui. Ah! Não esqueça de deixar nos comentários a sua opinião. 


Comentários

  1. Adorei! Envolvendo animes e mangás então... seria incrível, bom post! Desejo sucesso para a autora!

    Um beijo, Carol
    Blog com V.

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Amei a resenha! Despertou minha curiosidade, até agora não tinha ouvido falar sobre esse livro.

    Beijos,
    Ler Antes De Dormir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Narah!
      Ele está disponível na Amazon em formato digital. Tenho certeza que você não vai se arrepender se for lê-lo!
      Obrigada pelo comentário!

      Excluir
  3. Olá!! Esse livro parece ser incrível, nunca tinha ouvido falar. Já vai para minha lista de desejados. Adorei a resenha, parabéns!!
    Beijos <3

    relicariodehistoriasma.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari!
      Que bom que se interessou. É muito bom!
      Obrigada
      Beijos, Lorena

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Poker com o Diabo

Título: Poker com o Diabo Páginas: 106 Autor: Ítalo Guimarães Ano: 2016 Editora: Garcia Sinopse: O diabo esteve entediado em seu mundo, então decidiu fazer um jogo memorável: uma partida de poker! Selecionou a dedo seus adversários entre os residentes do inferno para que o jogo fosse perfeito. O prêmio? A liberdade do sofrimento eterno! mas quem conseguirá vencer o Senhor do Abismo? Sem trapaças... apenas a sorte.Nesta história de suspense e horror pessoal, descubra como a alma humana pode esconder segredos mais obscuros do que se possa imaginar.

Sophia, Alexia e o Mundo Além Daqui

Título: Sophia, Alexia e o Mundo Além Daqui Páginas: 298 Autora: Brenda Bernsau Ano: 2016 Editora: Jaguatirica
Sinopse: Uma caixinha de música quebrada. Foi o que Sophia e Alexia, duas crianças que vivem em um vilarejo afastado, herdaram da avó que as criou. Isso, e o forte vínculo que uma criou pela outra. O objeto, que inicialmente parecia inútil, mostra ser possuidor de grandes poderes quando as crianças conhecem Prisca, uma irmã da falecida avó. Através da magia da caixinha, ambas são transportadas para um mundo onde há dois sóis, criaturas fantásticas de todas as espécies e uma natureza impensável. No entanto, as irmãs acabam sendo separadas por forças maiores e, tendo de sobreviver uma sem a outra, elas enfrentam numerosos desafios. Sophia acaba por ser amaldiçoada e, para quebrar o feitiço, tem de coletar as melodias dos poentes, enquanto que Alexia perde a memória. E, para agravar ainda mais a situação, o mundo maravilhoso está em colapso. Agora, apenas se superando, contando com a…

Mulheres que Não Sabem Chorar

Título: Mulheres que Não Sabem Chorar Páginas: 210 Autora: Lilian Farias Ano: 2016 Editora: Giz Sinopse: A vida de Marisa é regida pelo controle. Seja à frente do seu trabalho ou da vida dos filhos, ela é racional, mantendo-se sempre fria, um ser à parte das banalidades, cuja única preocupação é ser um exemplo. Olga é sua antítese. Sentimentos à flor da pele, dor flagelando a carne, pensamentos embaçados pelo esquecimento proporcionado pelo álcool. Sozinha, preocupa-se em apenas ser, em um mundo cercado por fatos que não reconhece mais como seus. Enquanto isso, Ana e Verônica esbarram com o acaso. Duas senhoras solitárias, vizinhas e antagônicas. Será que um dia alguém acharia que poderiam viver em paz? Mais ainda, será que poderiam se apaixonar? Duas jovens livres e independentes. O que as impede de ficar juntas?  Mulheres que não sabem chorar é mais que uma história de amor entre iguais. Junto a estas personagens tão humanas, o leitor vê-se despido dos preconceitos, pudores e medos. Ora …